PRC Empreendimentos apresenta masterplan revolucionário para Maringá

  • 25/06/2024
(Foto: Reprodução)
Localizado na região do Bosque II, o ecossistema urbano Cidade Aruna representa o viver do futuro. Espaços integrados darão aos moradores uma qualidade de vida excepcional. Qual é o estilo de vida do futuro? O novo urbanismo certamente responde a essa e outras questões, atendendo às demandas contemporâneas de Maringá (PR) (https://www.maringa.pr.gov.br/) - considerada a melhor cidade para se viver no Brasil. Desde a pandemia, estudos mostram que o conceito de lar evoluiu tanto no país quanto no mundo, com as pessoas buscando em suas moradias refúgio e autoconexão. Nesse contexto, as tendências urbanísticas têm moldado esse viver do futuro e irão redefinir a vida urbana, atrbuindo mais significado e funções aos espaços, tornando os ambientes confortáveis, seguros, sustentáveis e conectados com a natureza. Divulgação Na busca por soluções urbanas que transformem as experiências das pessoas, conceitos internacionais como walkability (https://www.ecycle.com.br/walkability-caminhabilidade/) (caminhabilidade) e placemaking (espaços urbanos humanizados) direcionam profissionais do segmento em todo o mundo. Além disso, muitos arquitetos e designers de interiores se inspiram na biofilia (termo traduzido como 'amor às coisas vivas') para desenvolver projetos de empreendimentos mais verdes. Essa integração de elementos naturais nos espaços construídos, como vegetação, água e luz natural abundante, além de materiais como madeira e pedra, melhora a estética dos ambientes e promove benefícios significativos para saúde, bem-estar e conforto emocional das pessoas. A "Cidade dos 15 Minutos" (https://www.ecycle.com.br/cidade-de-15-minutos/), modelo de uso misto, também é destaque nas discussões atuais sobre qualidade de vida. A proposta defende que todos tenham acesso ao trabalho, lazer e serviços essenciais em um raio confortável de 15 minutos a pé ou de bicicleta, a partir de suas casas. O conceito inclui um paisagismo que estimula caminhadas agradáveis e promove a interação com o ambiente urbano. Além de melhorar a qualidade de vida, essa maior movimentação de pessoas nas ruas e calçadas contribui para a segurança nos espaços públicos, pois a presença constante de pedestres cria uma vigilância natural. Divulgação Essas tendências urbanísticas nos projetos de uso misto transformam as cidades ao redor do mundo e representam avanço na criação de ambientes urbanos mais saudáveis, eficientes e agradáveis para o viver, graças a diferenciais como o contato com a natureza e a proximidade a serviços essenciais como transportes públicos, escolas, mercados, farmácias e hospitais. Em cidades que adotaram o modelo, como Barcelona (Espanha), Melbourne (Austrália) e Paris (França), os princípios do novo urbanismo têm demonstrado resultados positivos em termos de conveniência e acessibilidade, bem como na criação de comunidades mais seguras e coesas. Novo urbanismo: um contraste com o urbanismo tradicional Ao revisitar a história do modelo centralizado de planejamento urbano, torna-se evidente a evolução dos paradigmas que fundamentam a "Cidade de 15 Minutos". Alguns especialistas até descrevem a ideia como um "retorno a um modo de vida local". Mas, diferente do urbanismo tradicional do século XX, que segrega áreas de trabalho, lazer e moradia, o novo urbanismo propõe uma integração harmoniosa de todas essas funções em um só local. Ou seja, ao invés de passar horas no trânsito para ir ao trabalho, à academia ou para fazer compras, os residentes encontram tudo o que precisam a poucos passos de casa. O diferencial desse trajeto será o contato direto com paisagens verdes convidativas, além da abundância de luz natural, benefícios que elevam o bem-estar diário dos moradores. Essa valorização do entorno nos projetos imobiliários é um pilar da construtora maringaense PRC Empreendimentos ( https://www.prcempreendimentos.com.br/), fundada em 2012, que busca no design e na arquitetura soluções inteligentes de moradia que promovam a gentileza urbana. “Nossa visão é humanizada e sempre respeitamos e valorizamos a essência da cidade, colocando as pessoas no centro de tudo”, afirma o engenheiro civil João Victor Ferreira, diretor de projetos da PRC. Em uma década, a construtora entregou mais de 2,5 mil empreendimentos. Mas, o maior deles - um masterplan de uso misto -, está por vir na Gleba (Itororó https://glebaitororo.com/), uma nova região localizada próxima ao centro de Maringá, que será a mais valorizada para se viver no futuro. Como o novo urbanismo transformará o viver em Maringá? Divulgação A implementação dos conceitos do novo urbanismo em Maringá, conforme o masterplan da PRC Empreendimentos, representa um avanço promissor na maneira como as cidades poderão ser planejadas e vivenciadas. Neste viver do futuro, com foco na qualidade de vida, stentabilidade e no fortalecimento comunitário, o projeto cria um ambiente urbano mais harmonioso e habitável para seus residentes, onde todos se sentem seguros e protegidos. Portanto, o masterplan projeta um complexo multiuso na região do centro de Maringá monitorado 24 horas por dia, com câmeras de segurança de última geração que utilizam tecnologia avançada na identificação facial de pessoas e de placas de veículos, garantindo esse ambiente seguro para todos – pedestres, motoristas, moradores e visitantes -, dentro de um ecossistema urbano sustentável. Assim, o ecossistema promete transformar positivamente a experiência dos maringaenses, além de contribuir para um desenvolvimento imobiliário mais sustentável e atrativo. Cidade Aruna: o viver do futuro em Maringá Divulgação O masterplan Cidade Aruna ( https://www.cidadearuna.com.br/) idealizado pela construtora PRC Empreendimentos é um exemplo prático revolucionário do novo urbanismo, que não só irá melhorar a qualidade de vida de seus cidadãos, mas também posicionará Maringá como uma cidade moderna, humana, sustentável e inovadora. No Cidade Aruna, as pessoas desfrutarão de uma vida mais equilibrada, onde a convivência harmoniosa entre o indivíduo e o verde é prioridade. A preocupação da construtora com o desenvolvimento urbano sustentável levou à escolha do botânico Ricardo Cardim (http://www.cardimpaisagismo.com.br/team/ricardo/), premiado internacionalmente, como responsável pelo projeto paisagístico do Cidade Aruna. Em março, ele realizou uma expedição urbana pelas matas da cidade, destacando o potencial da biodiversidade local. “O projeto do Cidade Aruna visa à recuperação do bioma maringaense e à preservação das plantas nativas e dos elementos da Mata Atlântica, que possuem valor histórico e paisagístico”, explica Cardim. Raphael Ferreira, diretor da PRC, ainda complementa que a redução do tempo perdido no trânsito permitirá que as pessoas invistam em atividades significativas, como estar com a família, praticar esportes, participar de eventos culturais e desfrutar da natureza. “Esse estilo de vida do futuro não só melhora o bem-estar individual, mas também contribui para uma cidade mais moderna, resiliente e vibrante”, conclui Ferreira. O Cidade Aruna (https://www.cidadearuna.com.br/), o primeiro complexo multiuso de Maringá, está situado na região da Gleba Itororó (https://glebaitororo.com/), a oito minutos do centro da cidade. O masterplan, cuidadosamente elaborado pela PRC Empreendimentos, está estrategicamente localizado em uma área nobre e altamente valorizada, ao lado do Parque Florestal dos Pioneiros (Bosque II). Saiba mais sobre o masterplan no site da construtora PRC Empreendimentos (https://www.instagram.com/prcempreendimentos/).

FONTE: https://g1.globo.com/pr/parana/especial-publicitario/prc-empreendimentos/noticia/2024/06/25/prc-empreendimentos-apresenta-masterplan-revolucionario-para-maringa.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

Top 5

top1
1. saudade da minha vida

gustavo lima

top2
2. uai

zé neto e cristiano

top3
3. rancorosa

henrique e juliano

top4
4. eu e voce

jorge e matheus

top5
5. solteirou

luan santana

Anunciantes